por Wilian Delatorre

Wilian Delatorre Personal Travel,
o seu agente pessoal de passagens com milhas e roteiros.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Ganhando Milhas Aéreas - Cap.2 - Cartão de Crédito


A maioria dos cartões disponibilizados hoje no mercado brasileiro possuem alguma parceria com os programas de fidelidade das cias. aéreas, sejam elas nacionais ou internacionais. Entretanto, cada cartão emitido possui uma forma de acúmulo, exigências, custos para transferência, validade das milhas e opções de parceria.

O ideal para quem tem a pretensão de emitir bilhetes prêmios pelo programa de fidelidade é tentar acumular o máximo de gastos do dia a dia no cartão que possui a melhor conversão por dólar gasto. Digamos que você esteja começando agora o relacionamento com um banco e o mesmo disponibilize um cartão de crédito Internacional ou Gold que acumule 1 milha por dólar gasto. Existem cartões que já começam a pontuar automaticamente, ex: os cartões da Caixa Econômica Federal.

Se você efetuar o pagamento da sua fatura com um gasto de R$ 1.800,00 você terá em seu cartão 1.000 pontos, (na conversão 1:1), com essa pontuação você poderá trocar por prêmios como eletrodomésticos ou assinatura de revistas ou transformá-los em milhas aéreas no programa de fidelidade escolhido.

A maioria dos viciados em milhas aéreas não se contenta com a conversão de 1:1 e começam a exigir de seus bancos e financeiras cartões com uma conversão maior. Essa conversão dependendo do tipo de cartão pode ser de 1,3 - 1,5, 2,0 e até 2,2 milhas por dólar gasto, outro fator a ser considerado para estabelecer o cálculo é saber qual o câmbio (dólar comercial ou turismo) utilizado pelo banco.

Uma passagem via de regra exige nos programas de fidelidade nacionais, como o Smiles (Varig/Gol) e Fidelidade Tam (TAM)cerca de 10.000 milhas. Mas em períodos promocionais esse número pode chegar a 4.000 ou 6.000 pontos.

Nós proximos posts falarei das promoções realizadas pelas cias. aéreas, pelos programas de fidelidade e outras formas de acúmulo com os parceiros dos programas. Acompanhem.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Ganhando Milhas Aéreas - Cap. 1 Voando



Quem viu o filme "Amor sem Escalas" pode acompanhar a rotina de Ryan Bingham, interpretado por George Clooney, em sua saga em acumular milhas. Seja voando, locando um carro ou pagando o jantar com o cartão de crédito, Bingham tinha uma obsessão em acumular o máximo possível.

Pode-se ganhar milhas aéreas de várias maneiras, a pioneira e mais conhecida é voando por alguma cia. aérea. A maioria delas possui um programa de fidelidade, com o intuito de retribuir a fidelidade de seus consumidores. Mas quantas milhas você pode ganhar com uma passagem?

Dentro de um vôo existem passageiros pagando no mesmo tipo classe cerca de 15 tarifas diferentes. Fatores como antecedência, quantidade, promoções, restrições e regras geram essas diferenças. Mas basicamente falando você pontuará o número de milhas voadas, se for na classe executiva esse número aumenta. Acompanhe esse link do Aquela Passagem e comece a aprender as regras dos programas. http://www.aquelapassagem.com.br/milhas-areas-no-se-deixe-embriagar/

O Fantástico mundo das milhas aéreas


Eis um assunto intrigante. Como funciona esse negócio de milhas aéreas?

De mero leigo a um completo interessado e devorador do assunto. Até hoje eu só emiti 2 passagens para o meu uso pessoal, mas o meu interesse já rendeu aos meus amigos e familiares inúmeras oportunidades.

Esse é um assunto com uma gama imensa de variáveis e detalhes. Portanto, irei fazer aqui no blog um tour básico pelo assunto. Quem desejar mais detalhes pode acessar o fantástico site que eu acesso diariamente www.aquelapassagem.com.br e também o www.falandodeviagem.com.br.

Se viajar já é uma experiência maravilhosa, imagina então viajar de GRAÇA! Acompanhem os próximos posts e vamos todos aprender um pouco mais sobre esse mundo.